Com amor, todo sonho é possível

Pode...


PODE UMA VIDA DE PRAZERES LEVAR À PLENITUDE?
Um ladrão chamado Willy, tentando escapar de uma cobertura do trigésimo quinto andar, despenca da escada de incêndio para uma morte certa. Um instante depois, pelo que lhe parece, vê-se num salão de sinuca, sem nenhum ferimento. Conclui então que morreu e subiu ao céu, porque jogar sinuca sempre foi sua diversão favorita. Sentindo-se aliviado e feliz, aproxima-se da mesa e descobre que, de algum modo, se tornou um mestre naquele jogo. Só lamenta que, ali sozinho, ninguém possa admirá-lo encaçapando uma bola depois da outra.

Mais tarde, explorando o novo ambiente, descobre uma piscina e executa saltos olímpicos no trampolim de três metros. Em seguida, atravessa a água aparentemente batendo um recorde. Num cassino próximo, onde encontra crupiês sisudos e jogadores silenciosos, entra com uns poucos dólares no bolso e sai milionário - o mais sortudo dos homens vivos. Encontra um hotel e pede a melhor suíte, pagando um mês adiantado. O dia seguinte é uma repetição bem-vinda do anterior. Compra carros, ganha outra fortuna no videopôquer e conquista seis mulheres exuberantes, após descobrir em si uma virilidade renovada.

Uma semana maravilhosa, um mês muito bom. Mas, à medida que o tempo passa, Willy começa a se sentir entediado pelo fato de ganhar sempre e levar a melhor em tudo o que faz. Ao fim de seis meses, julga que está ficando louco. Decide procurar São Pedro, ou quem quer que seja o responsável pelo local, a fim de exprimir sua insatisfação. Após uma longa busca, chega finalmente ao prédio da gerência. Uma secretária eficiente o introduz num amplo escritório, onde encontra um homem bem vestido sentado atrás de uma grande mesa de mogno. 

-"Em que posso ajudá-lo?", pergunta o chefão.

Willy desfia então uma longa lista de queixas: o tédio insuportável, as vitórias sem esforço... E conclui: -

-"Nunca pensei que o céu fosse assim".

O homem se levanta devagar, com um brilho avermelhado nos olhos, e pergunta:

-"Mas quem lhe disse que aqui é o céu?"

Texto extraído de:
"Ame, Ria, Viva e Colabore"
de Dan Millman
Editora Pensamento

Abraços carinhosos
Maria Teresa

2 comentários:

  1. Oi Maria Tereza, é a Vi, tem um ditado que diz que nem tudo que reluz é ouro, acho que condiz com seu texto, que nos faz pensar, que quando as coisas são muito fáceis não vemos graça e não damos valor.
    Muitos beijos,Vi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza Vi, agradeço seu carinho, abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir