Com amor, todo sonho é possível

Falsa Jabuticaba e agradecendo

Você está bem?
Espero que sim, na graça de Deus.
Cada dia mais flores,
na latinha com violetinhas.
Maria Luisa, 
você será sempre lembrada,
pela delicadeza de seu presente.


Quase que perdi os frutos da falsa jabuticaba, 
passava todos os dias e não enxergava,
quando percebi, 
os pássaros já haviam acabado com todos.


os poucos que estavam ao meu alcance,
foram estes 3.


 O gosto lembra pouco a jabuticaba, 
mas é comível e 
a aparência da polpa é esta, 
mais esbranquiçada,
sem a transparência e brilho da original. 


Estas sacolas foram concluídas esta semana,
já estou começando outra leva de azul e bege. 


Minha Estrelinha, que chegou em 7 de novembro,
para tirar esta foto, precisei esperar muito,
porque é muito acelerada, 
só vive aos pulos,


foi uma sorte ficar parada.


Venho adiando este momento, mas chega uma hora, que não temos outra opção.
A nossa intenção ao abrir este blog, era mostrar às pessoas o quanto podemos aprender, apesar de nossas limitações. Como a vida é cheia de surpresas, chegamos ao ponto de dar um tempo neste blog.
Estivemos por 63 anos submersa em um lago imundo, verdadeiro pântano, de águas profundas, que até hoje, não sabemos como sobrevivemos.
Só mesmo um Deus Misericordioso, que de nós se apiedou e, nos tirou do lodo, operando milagres em nossa vida. Só hoje percebemos a lição que precisamos aprender, é desenvolver a paciência.
Estamos longe de sermos dignos da benevolência do Senhor, mas não podemos deixar de testemunhar, o quanto Ele tem operado maravilhas em nossa vida.
Assim sendo, temos observado o que mais atrasa a nossa caminhada e, chegamos à conclusão que a impaciência é o que mais nos atropela, além de outros defeitos, mas essa é a que se tornou mais evidente, em nosso processo de aprendizado.
Estamos com nosso pagamento zerado há muito tempo, sobrevivendo, não sei como. Estamos, praticamente, incomunicável com o mundo, sem telefone fixo, por conta da Vivo não localizar a nossa casa, com cartas de solicitação de linha, desde 2012 e agora com protocolos desde 02/2014. Segundo a Vivo, a linha já foi instalada, mas não acham a nossa casa, para entregar o aparelho.
Acho muito estranho tudo isso, uma vez que já tive 2 linhas na chácara, inclusive speedy e tv digital.
Vivemos sem telefone fixo, sem internet, celular nem sempre tem serviço, sem computador, sem televisão,
com dificuldade para andar e sem dinheiro para pagar táxi.
Levamos um tombo em novembro de 2013, que nos mostrou o quanto somos nada, precisando gastar muito com condução e remédios e sem tratamento médico.
No mês de abril, pagamos ao leão R$ 580,00, de imposto de renda, a nossa situação piorou mais ainda.
Desse modo, chegamos à conclusão, que não adianta nada nadar contra a correnteza, vamos aguardar, pacientemente, até que Deus complete a obra em nossa vida.
Precisamos buscar sabedoria em Deus, para conseguirmos uma forma de nos manter, sem onerar aos outros.
Vamos dar um tempo neste blog, agradecendo aos 3 filhos, José Carlos, Cássio Alexandre e Almir Rogério, suas esposas e aos meus netos, pelo carinho, atenção e compreensão comigo, assim como, quero agradecer aos meus amigos e em especial à Elaine, pela força que sempre nos deu.
Abraços carinhosos a todos e um até breve, se Ele nos permitir
Maria Teresa


2 comentários:

  1. Oi Maria Teresa, é a Vi, não conheço essa tal falsa jabuticaba, só a original.
    A vida é assim, altos e baixos, dias ensolarados, e dias nublados, dias que fazer a gente se conhecer melhor e saber que dependemos de Deus.
    Fique com Deus, Beijos,Vi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vi, agradeço seu carinho, que seja sempre abençoada, abraços

      Excluir