Com amor, todo sonho é possível

A vida continua...

Boa noite, como está, tudo bem?
Nós estamos bem, na Graça de Deus,
admirando as flores
que nos dão sinal
de que a vida continua. 

O que nos faz sentir vivos,
sem dúvida alguma,
é acordar e perceber,
que temos linda companhia.


Não é uma só,
são várias flores, 
nos mostrando,
que a vida continua.


Orquídeas silenciosas,
apontam sempre nesta época,
nos mostrando a beleza há muito esquecida,
lembrando que,
 ainda há vida que continua!!! 




Aqui elas já apareceram e logo caíram, 
 presente que recebi  do Criador... agora,



Carregada de cachinhos apontando para o céu, 
como testemunha de sua força.



Devemos nos ajudar uns aos outros: é uma lei da natureza.
(La Fontaine)
Seja qual for o motivo da angústia de uma pessoa, uma palavra de apoio, de carinho, um simples gesto de calor humano darão a ela um pouquinho de paz, a certeza de que não está sozinha. Isso a deixará mais fortalecida para enfrentar suas provações. Abra seu coração para as pessoas. Procure ajudar no que você puder, pois a recíproca é verdadeira!
Este texto foi transcrito do livro de "Pensamentos & Emoções" - autoria de Ana Maria Braga


4 comentários:

  1. Lindo texto! Minhas árvores estão repletas dessas orquídeas.
    Acabo de comentar um texto no blog do Luiz e toca no mesmo tema, a continuação da vida, apesar de tudo...
    Vamos, e a vida fica. Mas será que uma parte dela nos acompanha?
    Tenha um lindo dia, Maria Teresa!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana, agradeço seu carinho, as flores sempre nos encantam e nos enchem de vida e ela fica quando formos, se parte ou lembrança dela levaremos, essa resposta não temos, não é?
      Ontem, boa parte das orquídeas foram queimadas, doeu muito não poder fazer nada, nem foto tirei das outras. Estas ainda permanecem. Boa noite, abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir
  2. Oi Maria Teresa!
    Que texto lindo para começar bem a semana...sempre é muito bom passar por aqui...beijos e até mais!

    ResponderExcluir
  3. Oi Claudia, agradeço seu carinho, quero te confessar que quando olho para essas orquídeas penso em você e em sua aura, lembro do lilás da lavanda e parece que até o cheirinho está no ar. Abraços carinhosos
    Maria Teresa

    ResponderExcluir