Com amor, todo sonho é possível

Tudo se repete - 11



13/07/1978 - 
Recebi um cartão do III, de Goiânia.

"A distância que nos separa, não impede de você estar sempre presente em mim."


24/07/1978 -
Porque as coisas são tão difíceis de se compreender?

Em momento algum em minha vida, me senti tão protegida, tão segura, como nestes 2 dias ao teu lado. Procurou de todas as formas me fazer companhia, questionou tudo o que pôde sobre mim, comentou as coincidências de nosso passado, será você a minha alma gêmea?

Um homem tão vibrante, tão cheio de vida, que inspira paz e parece ter um amor infindo para dar. Marcado por muitas passagens, casos sem consequências e 3 amores que lhe deram alegrias e sofrimentos tão necessários à nossa existência, tem momentos em que parece ter vivido séculos, uma sabedoria que transcende à expectativa de seus 60 anos.

Quero-o como se estivesse em você a razão de minha existência. quero-o como se a sua presença fosse parte ou o todo, do ar que respiro, quero-o para amá-lo e dar-me totalmente, sem receios e medo do que vier depois.

Você meu homem, você gente, você respeito, você paixão.

A  sua atenção foi normal por eu ser novata, ou tem algo que possa ser levado a sério como um compromisso de nossa parte?

Sentirá você a mesma sensação que eu senti de encontro, de unidade, uma satisfação íntima de se completar ao estar com você e ao ouvir você?

Não pretendo, em momento algum, achar você um mero conquistador, que fareja a presa, para jogar a isca certa, não me faça acreditar que é tão vulgar, ao ponto de decorar palavras que, fatalmente, conquistam pessoas como eu.

Sua sensibilidade é algo difícil de se explicar, não há quem possa fingir ao declamar uma poesia "Cão Fiel", será você um ator? Um gozador?

Qual a sua atitude com relação à garota, é um homem que precisa conquistar para se auto-afirmar?

Quem é você?

Alguém a quem me entregarei e, alguns dias depois, dirá - "Nada lhe prometi." - "Foi você quem se iludiu."

Quem é você?

O homem companheiro que espero encontrar; o homem carinho que me amará; o homem que me deixará amar, que saberá receber todo o meu amor, sem nunca se cansar?

Se você é quem espero, não será preciso falar, seus atos serão próprios de um amante, que se apossa, sem sequer pedir licença; que domina sem ter medo da recusa, que abrirá os braços para eu me aninhar.

0 comentários:

Postar um comentário