Com amor, todo sonho é possível

Tu te tornas



Tu te tornas eternamente responsável
por aquilo que cativas.

(St.-Exupéry)

Quando você gosta de uma pessoa,
não basta cuidar
para que ela tenha conforto,
asseio e alimentação.
Claro que tudo isso é importante,
mas é essencial
que você tenha carinho,
solidariedade e tolerância.
Os cuidados materiais
não podem ser negligenciados,
mas os morais e espirituais
são os que fortalecem,
a cada dia,
uma relação.

Pensamentos & Emoções
Ana Maria Braga
Abraços carinhosos

3 comentários:

  1. Olá, Maria Teresa. acho que o que você diz no poema está correto, mas esta frase me deixa desconfortável: "Tu te tornas responsável..." acho que é um peso...
    abraços!

    ResponderExcluir
  2. É Ana, esse é o mal de quem acredita
    que é responsável por tudo à sua volta,
    eu me sentia assim. Me cobrei muito
    por isso, até entender que uma união é
    composta por 2 pessoas responsáveis e
    que não sou a única que errou.
    Agradeço seu carinho, abraços afetuosos
    Maria Teresa

    ResponderExcluir
  3. Bonito pensamento! cho que muita boa gente devia pensar assim!

    Bjxxx

    ResponderExcluir