Com amor, todo sonho é possível

Sou louca!

Não dá para passar pelo blog
"Poesia toda Prosa",
sem trazer um presente de lá!
Visite, você vai se encantar!
"Se não fossem os loucos, me diga:
Que graça teria o mundo afinal?"
Abraços carinhosos
Maria Teresa

http://poesiatodaprosa.blogspot.com.br/

SOU LOUCA



SOU LOUCA

Sou louca , talvez de nascença
Não por genética. Só casual
Talvez falha congênita
Talvez por constelação astral

Sou louca do tipo manso
Não bato. Nem desejo mal
Quem sabe, no fundo, não somos todos
Diferindo apenas no grau?

Já quis ser certinha, na moda
Já quis ser padrão oficial
Descobri a duras penas
Sou um tipo mais irracional

Entre céus e mares navego
Num limbo espacial
Me transbordam questionamentos
Me afoga o emocional

Me conformei. Já nem tento
Aprendi que não sou normal
Me agradam anormalidades
Que graça tem ser igual?

Sou doida, mas disfarçada
Nem uso credencial
Se não fossem os loucos, me diga
Que graça teria o mundo afinal?

Mônica Raouf El Bayeh
Conheça  meus livros
Facebook
    Twitter

19 comentários:

  1. Adorei o poema. Realmente sem os louco o mundo seria insuportável, as vezes a loucura é o que nos salva porque a normalidade não existe e correr atrás dela não trás nada de bom.

    Salve os loucos! hahah

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é, não?
      Que nossas doces e sadias loucuras nos salvem da morte!
      Pandora, desejo um feliz e abençoado final de semana...
      Abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir
  2. Fui ao blogue da Mónica e encontrei excelente poesia.
    Obrigado pela dica.
    Boa Páscoa, querida amiga Maria Teresa.
    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agradeço, amigo e Poeta Jaime Portela!
      Feliz e abençoada Páscoa...
      Abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir
  3. olá, Teresinha...

    como vai...

    fui visitar o blog da Mónica e adorei a forma tão espontânea e graciosa de fazer poesia.

    de facto, tem de haver uma certa dose loucura na vida, caso não, isso tudo fica pãozinho sem sal.

    SANTA, FELIZ, REDENTORA E DOCE PÁSCOA.

    Beijos.

    PS - novo post lá. obrigada, desde já.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amém, CÉU, que possamos todos nós, nos redimir e renovar nossas vidas!
      Estou bem, minha doce e linda amiga e estou feliz, por teres voltado triunfante com o poema: "Assalto à mão desarmada"... Amei!
      Agradeço e te desejo uma vida rica em amor e muita paz!
      Abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir
    2. ASSIM SEJA, Teresinha, minha linda amiga...

      fico feliz por voce estar bem e agradeço tb sua visita, sempre esperada, e suas gentis palavras.

      voltei, sim, mas no dia 29, já na próxima terça-feira irei ser submetida a nova cirurgia da mão dta, pke o cirurgião se esqueceu de fazer o trabalho todo na cirurgia anterior. incrível, não é... pois, mas é a pura verdade.

      fui eu quem fez o poema, mas foi uma amiga minha k o passou para o meu blog. não tenho condições para escrever mto, colocar maiúsculas e alguns sinais de pontuação. enfim, tenho k ter paciência e aguardar.

      beijos e uma Páscoa feliz

      Excluir
    3. Que situação, CÉU, agora que já está cicatrizado, refazer por um esquecimento?
      Jamais poderia imaginar que acontecesse uma cirurgia, que não fosse completa!
      Triste! Mas o que importa é que irás logo refazer o procedimento...
      Estimo que tudo corra bem e logo voltes, tenhas uma excelente recuperação!
      Feliz e abençoado domingo, abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir
  4. Poesia feita de forma bonita e encantadora. Feliz Páscoa ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gratidão, Sarah E.!
      Feliz e abençoado domingo,
      abraços carinhosos
      Maria Terersa

      Excluir
  5. Respostas
    1. Gratidão, Andreia!
      Abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir
  6. Que poema interessante, gostoso de ler. Somos todos meio loucos mesmo rs.
    Beijos, Maria Teresa!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gratidão, Shirley!
      E, como é gostoso essa loucura,
      que de certa forma nos diferencia!
      Abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir
  7. Ei irei guardar com carinho o que falou no seu comentário, que nós duas sempre possamos ir atrás do que nos faz bem. Fico feliz que hoje você se sente liberta, não há nada melhor que essa sensação. Te desejo sempre dias bons e leves e muita força, coisa que percebi que você possui pelo que me falou que já viveu. Obrigada novamente ♥♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gratidão, Sarah E.!
      Abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir
  8. De fato Teresa, os versos da Mônica são belíssimos e cativantes. Muitos deles, um refrigério. Beijos às duas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. olá, querida Teresinha...

      tudo bem...

      não estou conseguindo comentar seus posts no sítio devido, no retângulo destinado ao comentário, mas só em respostas.
      peço desculpa, desde já. não sei o k está acontecendo, se é problema do sistema, se do meu PC ou de algo menos bem, por aqui, mas como não sou de desistir, e não conseguindo entrar pela porta, pulei a janela para falar e estar com voce, obtendo, desse jeito, o meu objetivo.

      mto agradeço suas carinhosas palavras lá no blog e seus votos, mas nem sempre tudo decorre como planeamos.
      o cirurgião que hoje, pelas 16h30m, hora de Lisboa, me deveria estar a operar, ontem, e numa cirurgia, se sentiu mto mal. a secretária dele entrou em contacto comigo as 19h, de ontem, me dizendo k a minha cirurgia tinha de ser adiada.

      só tenho é k entender a situação e desejar as melhoras do cirurgião. se tudo correr bem, a cirurgia a minha mão está marcada para dia 05 de Abril, as mesmas horas. vamos ver, então, como vão decorrer as coisas.

      beijos com mta estima.

      Excluir
    2. Gratidão, Marilene!
      Feliz e abençoada semana!
      Abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir