Com amor, todo sonho é possível

Vampiros emocionais!


Se você está convivendo com um parceiro(a)
que não te respeita,
constantemente te agride,
te humilha,
 te violenta em todos os aspectos e
não admite a separação,
você está em um relacionamento abusivo!

Para conquistar é tudo belo(a),
só depois se revelam!


Violência contra a Mulher é crime. Denuncie.

Preste muita atenção:
Pule fora desse barco,
antes que seja tarde demais,
esses são os vampiros emocionais!

Vampiros emocionais!


Você já se sentiu exausto diante de pessoas tóxicas?
Sente preguiça só em saber que vai ter que se explicar exaustivamente para a paranoia de alguém?
Fica perplexo ao perceber como algumas pessoas sentem orgulho em estarem sempre doentes e com muitos problemas?
Não sabe o que fazer para se esquivar, pois precisa conviver com pessoas assim no trabalho e no círculo familiar?
Se você respondeu sim para algumas dessas perguntas, fique tranquilo, você não está sozinho e existem maneiras de se esquivar da energia negativa sugadora dessas pessoas sem que para isso você precise travar guerras ou enfrentamentos desnecessários.
Primeiramente vamos conhecer as características nocivas desses vampiros e depois vou ensinar algumas táticas para evitar que essa energia nociva entre no seu campo energético e afete sua vida.
Gratidão,  Luciana Lara!

Violência contra a Mulher é crime. Denuncie.

Lembre-se sempre de que
você é uma joia rara,
criada e amada por Deus,
jamais desista de você!

"Quando a dor de não estar vivendo for maior
que o medo da mudança, a pessoa muda!"(Freud)

Agradeço pela minha Vida, que o Senhor resgatou e restaurou!
Agradeço a Deus, que por Sua Graça e Misericórdia,
me permite servi-Lo com alegria!
Abraços carinhosos

10 comentários:

  1. Respostas
    1. Boa noite, Nina, gratidão!
      Abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir
  2. Manter distância é sempre melhor, quando possível; senão, pelo menos manter distância emocional.
    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite, Ana, gratidão!
      Verdade, quanto mais distante melhor!
      Abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir
  3. Boa tarde Maria Tereza.
    Uma ótima alerta. Muitas pessoas querem sempre ser vítimas. Mas de alguma forma contribuíram para esta em situação de risco. Muitas pessoas param de viver em pró dos outros. Deixam de ter uma vida própria. É muitas terminam no caminho da amargura. Acho que viver em pró de filhos é válido. Mas ainda sim com limites. Mas deixarem de viver em pró de companheiro( a) nunca termina bem. Cada um tem que ter a sua própria independência. Assim sendo com mais chance de sair de um relacionamento abusivo. Doença existe para todos nós. Mas quem a usa para se passar como vítima também tem que ter limite. A minha irmã ficou doente e depois disso tornou a vida de todos um inferno. Parece crueldades mas quando percebi que ja estava virando chantagem dei uma resfrecada. É ela ao sê ver sozinha tratou logo de colocar pessoas para cuidar dela. Lógico eu sabia que com o poder aquisitivo dela isso era possível. Todos nós temos problemas uns maiores que os outros. Mas fora disso temos vida é devemos viver da melhor forma possível. Precisando menos e ajudado mas. Assim conseguimos viver sem que a nossa doença ou problema seja carga para os outros. Um lindo dia. Enorme abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite, Mirtes, gratidão!
      Como gostaria de ter sido forte suficiente para não enlouquecer! Mesmo com dores fortíssimas, cuidei de todos, da sogra que pegou uma infecção intestinal bravíssima e só eu tinha paciência para tratar corretamente, inclusive do marido que ficou 6 meses engessado, de cama e eu carregava sua perna, porque não conseguia por o pé no chão, no entanto, não tive ninguém que fizesse alguma coisa por mim, apenas esperavam por minha morte.
      Mas, como não posso mudar o passado, só posso agradecer a Deus por me livrar da prisão, lutar para que as "dementes" tenham proteção jurídica e, não sejam mais humilhadas, discriminadas e violentadas.
      Vivo há 4 anos sozinha e muito bem, graças a Deus!
      Felizes dias, minha querida amiga, abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir
  4. Boa noite Maria Teresa. Importante esforçarmos para não sermos vampiros. De fato, tem pessoas vampirescas ao nosso redor. Um familiar sempre liga e não dá tempo para eu responder. Sempre tem a resposta certa para as próprias indagações feitas. Semana passada quando o mesmo deu-me o direito de falar, após mais de 20 minutos (isto é normal), respondi que não precisava, pois já tinha dito tudo.
    Se falo que não posso oferecer a devida atenção, a pessoa demora mais 30min para encerrar.
    É muito difícil conviver com uma pessoa temperamental, solitária por não combinar com ninguém. Aonde vai impõe suas ideias as mais esquizofrênicas possíveis. Acuados, nos tornamos vampirizados.
    Enfim, vampiros existem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite, Marilene, gratidão!
      Concordo, precisamos nos esforçar para não sermos vampiros, assim como, precisamos de muito cuidado e cautela para não sermos vampirizados...
      Vampiros existem, sim!
      Abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir
    2. Há pessoas que conseguem nos vampirizar e não são poucas e isto tem prejudicado a minha delicada saúde. Um dia pedi-lhe um e-mail ou forma mais pessoal de conversar com você acerca disto e dos comentários maldosos acerca das enfermidades pois não é apenas uma síndrome degenerativa. Impiedosas e insensatas pessoas.

      Excluir
    3. Marilene vou deixar meu email, gostaria de conversar...
      Abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir