Com amor, todo sonho é possível

Onde eu estava? Sinceramente, não sei!!!

Onde eu estava? Sinceramente, não sei!!!

"Antes de julgar a minha vida ou o meu caráter...
Calce os meus sapatos e percorra
o caminho que eu percorri, viva as minhas tristezas,
 as minhas dúvidas e as minhas alegrias.
Percorra os anos que eu percorri,
tropece onde eu tropecei e
levante-se assim como eu fiz.
E então, só aí poderás julgar.
Cada um tem a sua própria história.
Não compare a sua vida com a dos outros.
Você não sabe como foi o caminho
que eles tiveram que trilhar na vida."
Desconheço a Autoria


Nenhum texto alternativo automático disponível.
Bem por ai...
Ana Lúcia Dias

O "doente mental" não tem socorro emergencial,
a discriminação, o preconceito exacerbado e
profissionais incapacitados,
o isolam ainda mais...
Homens "aproveitadores" adoecem e aprisionam,
  Mulheres "mais sensíveis", ao seu lixo existencial,
 Mulheres que ainda acreditam na bondade do ser humano,
amarrando-as às suas razões absolutas:
"A errada e culpada é sempre Ela."

A imagem pode conter: texto

Lutar?
Não, não vale a pena,
de que adianta enfrentar quem só te acusa e condena?
Se até aqueles que saíram do teu ventre,
te desprezam, rejeitam e te enterram viva?
Nada mais há para fazer!!!
Melhor se ausentar de ti!
Sim, se ausentar de ti!
#vamosfalarmaisclaro
Te livra daqueles que vivem de intrigas,
fofocas e mal-entendidos...
Vendilhões da alma,
nem Cristo suportou...
Expulsa-os, como se fossem pestes.
Abomines tu, os hipócritas de tua Vida...
Mesmo que te tratem como "louca",
por quereres ficar sozinha!
Tu és apenas um nome
na certidão de nascimento deles,
tua Vida ou a tua morte,
nada representa para eles...
Só lhes interessa o que tu tens,
reivindicam o direito a tudo que é teu!

Como se reconhece um canalha hipócrita, sem caráter?
Quando ele mente e nega um ato ou um fato,
que ele protagonizou e muito te prejudicou;
Quando atribui a ti a culpa pelas violências,
 agressões, humilhações e torturas sofridas;
Quando na maior cara de pau, alicia os filhos,
para te matar, rouba teus documentos e pertences,
 porque ele quer a tua Vida!
Não te desesperes, ore!
Deus te dando a certeza 
de que tu não te enganastes!
 Denuncie!
Jamais te cales!

Onde eu estava? 
 Quando tu nascestes???
Quando teu pai nem te pegava,
alegando aflição por criança pequena!!!

Onde eu estava???
Quando desesperada,
prestes a perder o emprego,
fui me preparar para não deixar
que faltasse o alimento em casa,
já que teu pai não queria trabalhar e
quando falei que iria criar rãs,
me disse que não era roceiro,
que como mulher, eu teria que
  acompanhá-lo aonde quer que ele fosse...

Onde eu estava???
Quando pedi o divórcio,
teu pai alegou que casamento
para ele era pra sempre,
até que a morte nos separe...
Essa respondo: SURTEI!!!

Onde eu estava???
Quando todos me evitavam,
ao chegar em casa e,
apenas você levantava os bracinhos
para me receber,
o meu bebê internado aos 2 anos,
expeliu uma lombriga de mais de metro,
da grossura de 1 garrote,
que eu quase morri e
nunca mais esqueci.
Eu que sempre fui muito cuidadosa,
passando por um sofrimento desses...

 Onde eu estava???
Quando meu filho, aos 2 anos,
para evitar danos maiores,
precisou ir para uma escola particular,
com perua para levar/trazer e
o pai nunca se importou com ele,
meu carro era para uso exclusivo do pai,
sem nunca colaborar com nada,
só usando meu cartão bancário,
só queria mesmo, aparecer na foto das festas,
ao lado dos médicos...

Onde eu estava???
Posso dissertar uma porção de situações,
mas vou direto a 1998,
quando coloquei o vagabundo pra fora,
esse filho saiu de casa dizendo que ia se matar e
seu irmão veio de dedo em riste,
ameaçando me matar,
caso acontecesse algo com o irmão,
não gosto de ameaças e meu próprio filho
me fez aceitar o pai de volta...

Onde eu estava???
Quando esse mesmo filho usou os alugueis,
deixando que o pai já falido,
acusasse o irmão que sempre o defendeu e
com medo veio me confessar que ele havia furtado,
pelo ódio que sentia do pai, pela decepção sofrida...
Já desconfiava, mas abracei esse filho e
lhe disse: -"Se nós o perdoamos, não podemos odiar,
temos que dar um voto de confiança,
além do mais o dinheiro que você pegou,
não prejudica a ele, mas sim à família..."
Passei a vida pagando contas e falências do sujeito!

Onde eu estava???
Quando mudamos pra cá e esse filho,
logo ficou noivo, queria casar,
 mas não queria trabalhar e lhe chamei à razão,
que se quisesse casar, teria que arrumar emprego,
Me disse que na imobiliária não ia,
queria ser artesão, paguei curso,
para que aprendesse alguma coisa,
mas foi tudo em vão,
achou melhor desistir da noiva.

Onde eu estava???
Quando encontrei esse filho,
todo sujo, mancando, pressão alta, com cara de coitado,
alegando que estava vindo do PS,
onde fora atendido, porque caíra um ferro no pé!
- Fui à casa dele, pela irresponsabilidade,
assumir uma família, sem ter emprego, sem convênio,
sujeito a ficar inválido e ser sustentado por uma mulher,
como eu sustentava o pai...
Aquilo pra mim era demais:
"Não criei filho para vê-lo todo sujo de graxa."
Nunca tive preconceito com profissões,
mas acredito que temos que ser muito responsáveis
pelo que escolhemos fazer,
não podemos colocar em risco nossas vidas por nada...

Onde eu estava??? Sinceramente não sei!!!
Quando depois de furtar as minhas coisas de casa,
me chamou de sem vergonha e levou meu filho contigo!
Não precisava mais voltar, mas voltou,
 para forjar provas para o sogro, para o processo que
estou movendo contra ele e na maior cara de pau,
 aparecer com presente no dia das mães do ano passado...
Como recusei, me agrediu pelo messenger:

-"Que eu não fui mulher o suficiente para botar o "FDP" (sic) pra fora!" 

Onde eu estava??? Sinceramente, não sei!!!
Mas, posso arriscar:
-Aguardando a tua chegada,
para salvar meu filho dos "abusos"
que eu nunca soube e
hoje tu me cobras:
-"Onde você estava, enquanto ele sofreu abusos?"
-"Tu és a mulher/mãe perfeita pra ele!"

"Jamais permita que filhos e agregados interfiram em tua Vida!"
Denuncie!

#Basta
Quando você se cala diante do desrespeito,
a violência contra a mulher fala mais alto.
#Não tolere isso, denuncie!
Violência contra a Mulher é crime .Denuncie. 

 
A imagem pode conter: texto
| PROTEJA SEUS FILHOS |
Todos sabemos que a fase do divórcio é difícil para todos os envolvidos. Mas com crianças e adolescentes é preciso ter atenção redobrada. Esse processo pode causar grande impacto em sua formação. Na “Cartilha do divórcio para os pais”, publicação elaborada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), você vai encontrar muitas dicas para atravessar esse período. Em alguns casos, porém, é necessário buscar ajuda profissional. Conheça aqui o material: http://bit.ly/CartilhaDivorcioCNJ


 
"Aquele que te faz crer em absurdos,
também pode te fazer praticar atrocidades."
Voltaire

A imagem pode conter: texto
Dr. Fábio Augusto

"Quando a dor de não estar vivendo for maior
que o medo da mudança, a pessoa muda!"(Freud)

"Para navegar contra a corrente são necessárias condições raras:
espírito de aventura, coragem, perseverança e paixão."
"É necessário se espantar, se indignar e se contagiar, 
só assim é possível mudar a realidade..."
 Dra. Nise da Silveira
psiquiatra - 1905-1999

A imagem pode conter: texto
Metamorfose em poesia

Eu sou fraca, forte é Jesus Cristo que me acolhe,
me protege e habita em mim!
Eu vivo "EM NOME DO SENHOR JESUS".
Esse é o Deus a Quem sirvo com alegria! 

Agradeço pela minha Vida, que o Senhor Jesus resgatou e restaurou!
Agradeço a Deus, que por Sua Graça e Misericórdia,
me permite servi-Lo com alegria!
Abraços carinhosos

0 comentários:

Postar um comentário