Com amor, todo sonho é possível

Por que devemos ler/estudar a Bíblia?

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas em pé, texto, atividades ao ar livre e natureza
Deus abençoe a todos!!!

Perguntou Maria ao anjo: "Como acontecerá isso se sou virgem?" O anjo respondeu: "O Espírito Santo virá sobre você, e o poder do Altíssimo a cobrirá com a sua sombra. Assim, aquele que há de nascer será chamado Santo, Filho de Deus. Também Isabel, sua parenta, terá um filho na velhice; aquela que diziam ser estéril já está em seu sexto mês de gestação. Pois nada é impossível para Deus". Respondeu Maria: "Sou serva do Senhor; que aconteça comigo conforme a tua palavra". Então o anjo a deixou. 
Lucas 1:34-38
João Bandeira

A imagem pode conter: nuvem, céu, texto, natureza e atividades ao ar livre
"Por que devemos ler/estudar a Bíblia?"
Resposta: Colocando de forma simples, devemos ler e estudar a Bíblia porque é a palavra de Deus a nós. II Timóteo 3:16 afirma que a Bíblia é “divinamente inspirada”. Em outras palavras, é a Palavra de Deus a nós. Há tantas perguntas feitas por filósofos e pessoas, e que Deus responde a nós nas Escrituras: Qual o propósito da vida? De onde venho? Há vida após a morte? O que acontece após a morte? Como posso chegar ao céu? Por que o mundo está cheio do mal? Por que luto tanto para fazer o que é certo? Além dessas “grandes” perguntas, a Bíblia dá muitos conselhos práticos em áreas como: O que devo procurar em um cônjuge? Como posso ter um casamento bem sucedido? Como posso ser um bom amigo? Como posso ser um bom pai ou uma boa mãe? O que é o sucesso e como consegui-lo? Como posso mudar? O que realmente importa na vida? Como posso viver de modo a não olhar pra trás e me arrepender? Como posso agradar a Deus? Como posso obter perdão? Como posso lidar com as circunstâncias injustas e acontecimentos ruins na vida de forma vitoriosa?
Devemos ler e estudar a Bíblia porque ela é totalmente confiável, sem erro. A Bíblia é única entre tantos livros chamados “sagrados”, pois não dá simplesmente ensinamentos morais dizendo: “confie em mim”. Ao contrário, nos dá a capacidade de testá-la verificando as centenas de detalhadas profecias que faz, verificando os registros históricos que faz, e checando os fatos científicos que relata. Aqueles que dizem que a Bíblia tem erros têm seus ouvidos cerrados à verdade. Uma vez Jesus perguntou o que era mais fácil dizer: “Seus pecados estão perdoados” ou “Levante, pegue sua cama e ande.” Então Ele provou que Ele tinha a capacidade de perdoar pecados (algo que não podemos ver com nossos olhos) curando o paralítico (algo que os que se achavam ao redor podiam verificar com seus próprios olhos). Da mesma forma, a nós é dada a certeza de que a Palavra de Deus é verdadeira quando discute áreas espirituais que não podemos verificar com nossos sentidos, mostrando-se verdadeira naquelas áreas que podemos (exatidão histórica, científica e profética).
Devemos ler e estudar a Bíblia porque Deus não muda e porque a natureza humana não muda: a Bíblia é tão relevante para nós quanto o era quando foi escrita. Enquanto a tecnologia se transforma ao nosso redor, os desejos e natureza da humanidade não mudam. Você achará, ao ler as páginas da história bíblica, que, falando de relações pessoais ou sociedades, “não há nada novo debaixo do sol”. E enquanto a humanidade, como um todo, continua a buscar amor e satisfação em todos os lugares errados, Deus, nosso bom e amoroso Criador, nos diz que nos trará alegria DURADOURA. Sua Palavra revelada, as Escrituras, são tão importantes que delas disse Jesus: “Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus” (Mateus 4:4). Em outras palavras, se você quer viver a vida em seu máximo potencial, como foi a intenção de Deus, ouça e considere a palavra escrita de Deus... isto é mais importante do que comer!
Devemos ler e estudar a Bíblia porque há tantos ensinamentos falsos ao nosso redor, mas a Bíblia nos dá um padrão de medida pelo qual podemos diferenciar a verdade do engano. Ela nos diz como é Deus. Ter uma impressão errada de Deus é adorar a um “ídolo” ou “falso deus”, pois assim estamos adorando algo que não é Ele! A Bíblia nos diz como alguém verdadeiramente chega ao céu... e não é por ser bom ou batizado, ou por nada mais que POSSAMOS FAZER (João 14:6; ; Efésios 2:1-10; Isaías 53:6; Romanos 3:10 em diante, 5:8; 6:23; 10:9-13). Neste pensamento, a Palavra de Deus nos mostra o quanto Deus nos ama (Romanos 5:6-8; Isaías 53:1 em diante.), e é aprendendo isto que somos levados a amá-Lo também (I João 4:19).
A Bíblia vai equipar você para servir a Deus (II Timóteo 3:17; Efésios 6:17; Hebreus 4:12). Ela ajudará você a saber como ser salvo de seu pecado e sua conseqüência básica (II Timóteo 3:15). Obedecer e meditar na Bíblia trará sucesso em sua vida (Josué 1:8; Tiago 1:25). A Palavra de Deus ajudará a você a ver o pecado em sua vida e a livrar-se dele (Salmos 119:9-11). Ela guiará você em sua vida, fazendo com que se torne mais sábio do que mestres (Salmos 32:8; 119-99; Provérbios 1:6). A Bíblia ajudará você a não perder anos de sua vida em coisas que não duram e não importam (Mateus 7:24-27).
Ler e estudar a Bíblia vai ajudar você a ver além da “isca” atrativa, enxergando o doloroso “anzol” nas tentações cheias de pecado, para que você aprenda com os erros dos outros ao invés de cometê-los você mesmo. A experiência é um grande mestre, mas quando se trata de aprender do pecado, é um mestre terrivelmente duro. É muito melhor aprender pelo erro dos outros. Há tantos personagens da Bíblia para termos como exemplo e aprender, tanto modelos positivos quanto negativos, ambos muitas vezes vindo da vida da mesma pessoa em diferentes momentos. Por exemplo, Davi, ao derrotar o Gigante Golias, nos ensina que Deus é maior que tudo aquilo que nos pede para enfrentar (I Samuel 17). Davi, ao ceder à tentação de cometer adultério com Bate-Seba, revela quão duradouras e terríveis podem ser as conseqüências de “momentos de prazer” (II Samuel 11 em diante). Conhecer a Bíblia nos dá uma real esperança e paz quando tudo ao nosso redor parece estar se desmoronando (Romanos 15:4; Salmos 112:7; Habacuque 3:17-19).
A Bíblia é um livro que não se destina a uma mera leitura. É um livro para se estudar, para que possa ser aplicado. Do contrário, é como engolir a comida sem mastigar, e depois colocá-la pra fora novamente... não se ganha valor nutricional assim. A Bíblia é a Palavra de Deus. Como tal, é tão coesa quanto as leis da natureza. Você pode ignorá-la, mas o fará para seu próprio sofrimento, como seria se ignorasse a lei da gravidade. Não se consegue enfatizar de forma suficiente o quanto a Bíblia é importante em nossas vidas. Estudar a Bíblia pode ser comparado a procurar por ouro. Se você fizer pouco esforço e simplesmente “procurar entre as pedras do rio” você apenas encontrará pó de ouro. Mas, quanto mais você se esforçar para “cavar o ouro”, mais recompensa obterá por seus esforços.
João Bandeira
A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, céu e texto
6 Não estejais inquietos por coisa alguma; antes as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplica, com ação de graças.
7 E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos pensamentos em Cristo Jesus.
Filipenses 4:6,7
João Bandeira
A imagem pode conter: planta, árvore, céu, flor, atividades ao ar livre, natureza e água
Natureza colorida e bela
João Bandeira

Gratidão, João Bandeira!

Agradeço a Deus, pela minha Vida,
 que o Senhor Jesus resgatou e restaurou!
Agradeço a Deus, que por Sua Graça e Misericórdia,
me permite servi-Lo com alegria!
Abraços carinhosos

0 comentários:

Postar um comentário