Com amor, todo sonho é possível

Você está vivendo nesse paraíso?

A imagem pode conter: oceano, nuvem, céu, atividades ao ar livre, água e natureza
VOCÊ ESTÁ VIVENDO NESSE PARAÍSO?
Raras imagens são tão representativas de uma relação abusiva com uma pessoa perversa quanto essa. A aparente perfeição e calmaria aos olhos de todos versus o medo constante que se sente de navegar por aquelas águas quando sabemos o que há abaixo do nível do que não se pode enxergar se você não estiver atento aos detalhes.
Está vivendo assim? Talvez encontre nessa página algumas respostas.
Que Amor é Esse? - Relações Tóxicas

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas

A pessoa narcisista é uma grande sabotadora. Para ela, as conquistas de seus alvos são reconhecidas apenas se puder ter algum crédito por elas. Qualquer sucesso pelo qual ela não puder ter crédito é ignorado ou diminuído.
Em qualquer ocasião em que você seria o centro das atenções e ela não, vai tentar impedir que aconteça, não comparecerá, sairá precipitadamente, agirá como se não fosse grande coisa, tentará roubar a atenção para si, começará com pequenas alfinetadas sobre como alguém fez ou faz a mesma coisa muito melhor do que você ou como o que você faz ou fez não é tão perfeito ou importante quanto você pensa.
Ela sabota você provocando discussões, brigas ou sendo especialmente desagradável pouco antes de você ter pela frente um grande esforço, desafio, ocasião em que receberá um diploma, um prêmio, fará uma prova ou coisa assim. Ela se esquiva se tiver que fazer qualquer coisa que ajude seu alvo a aproveitar uma oportunidade e se recusa a fazer o mínimo esforço sequer para lhe apoiar.
Será maldosa com você sobre coisas indiretamente relacionadas aos seus sucessos, para que você não tenha uma alegria completa. Faz isso com maestria e discrição, sem precisar nunca dizer nada claramente. Não importa o tamanho do seu sucesso, ela tem que diminuí-lo um pouco.
Fazem isso simplesmente porque seu sucesso e crescimento significam para seu verdadeiro self frágil, machucado, inadequado e envegonhado uma grande ameaça. Para a pessoa narcisista, se você cresce, ela entende que isso a diminui, se você é amado por pessoas que a amam, significa que ela será abandonada e que preferirão você.
Além disso, sua evolução como indivíduo significa também que, ao crescer, você não a considerará tão importante e indispensável em sua vida como ela deseja que você a considere. Isso ocorre porque, por não serem capazes de amar as pessoas por o que são internamente, mas sim por o que elas trazem de conveniente para suas vidas, acreditam que você também não seja.
Ao ver que seus alvos não dependem exclusivamente de sua amizade, amor, dinheiro, atenção, apoio, pois têm outras fontes das coisas que todo indivíduo precisa, a pessoa narcisista acredita que não será mais útil e não tolera a ideia da rejeição que acredita que sofrerá por isso. Trocando em miúdos, sabotam porque projetam em seus alvos seus próprios sentimentos de insegurança como se fossem delas, acreditando que agirão como ela agiria, buscando assim defender-se do "ataque ou agressão" iminente.
A convivência com um sabotador a longo prazo (genitores e outros familiares, longas relações íntimas, de trabalho ou amizade) provavelmente levará você a estagnar, perder oportunidades, destruir conquistas e passar a duvidar da sua própria capacidade. Se consegue identificar seu momento presente nesse texto, busque agora a porta de saída, não permitindo que alguém o defina, o achate e o sabote até que você se sinta com dois centímetros de altura.
Lucy Rocha, coach de relacionamento, está na pré-venda de seu livro "O PEQUENO MANUAL DO AMOR SAUDÁVEL", à venda pelo link https://www.4freemarketing.com.br/o-pequeno-manual-do-amor…/
Você gostou deste ou qualquer outro texto meu? Compartilhe ou, se quiser copiar e colar, você só está autorizado a fazer isso indicando a fonte (esta página) e a autora (Lucy Rocha). Isso possibilitará que outras pessoas cheguem a essa rica fonte de informação sobre relações tóxicas, além de demonstrar respeito para com a autora.
Que Amor é Esse? - Relações Tóxicas

A imagem pode conter: 1 pessoa
MAIS SOBRE MENTIRAS E DIFAMAÇÃO


A convivência com o narcisista é recheada de abuso e de silêncio. Raramente a vítima conta aos outros aquilo que realmente vive dentro da relação. Isso se dá por vários motivos. Entre tantos, eis alguns:



* Acredita que o parceiro vai melhorar e voltar a ser como era no início.

* Se envergonha de admitir que aquela pessoa que a própria vítima exaltou tantas vezes (no período da idealização), é na verdade cruel e oco.

* Se envergonha de admitir que as pessoas que a alertaram sobre o caráter daquela pessoa conhecida para elas e desconhecida para a vítima, sempre estiveram certas.

* Tem medo que ele venha a saber que seus segredinhos foram revelados e responda com a ira que a vítima conhece bem.

* Sofre ameças.

* Está tão dependente emocionalmente que tem medo de ser abandonada pelo seu próprio agressor, como se comportam os drogados que sabem do poder lesivo da droga mas não tem forças para abandonar, ou aqueles presos na Síndrome de Estocolmo.

* Já passou pela lavagem cerebral que o narcisista opera e passou a acreditar que o problema está com ela mesma.

Quando o relacionamente chega ao fim e a vítima se sente livre para contar a verdade sobre seu agressor, o narcisista, com medo que seus segredos sórdidos sejam revelados, se adianta e inicia uma campanha cruel e mentirosa para sujar o nome da vítima. 

Usará neste estágio tudo o que está e não está a seu alcance. De modo a cobrir as verdades contundentes sobre sua conduta, inventará histórias macabras à respeito da vítima que nem mesmo os roteiristas de cinema mais criativos ousariam escrever.

Para destruir sua reputação, buscarão os ouvidos dos amigos da vítima e seus familiares, os próprios familiares deles (seus possibilitadores), sua nova vítima ou qualquer pessoa que possa, ao ouví-lo, passar a vê-los como pobres vítimas que fizeram de tudo para se livrar daquela "pessoa louca que estava destrindo-lhe a vida". 

Mesmo durante a relação, o parceiro narcisista, a fim de alienar a vítima, terá o hábito de contar mentiras a seu respeito, coisas negativas e que farão com que os familiares e amigos passem a olhar para você de uma forma estranha que você não entende direito o porquê, mas sente que há algo errado. Ele faz isso para isolar sua vítima de modo que o narcisista passe a ser percebido pela vítima como sua única fonte de "carinho, afeto e suporte", reforçando a depêndencia emocional dela e logo, seu poder do controle e manipulação sobre a mesma.

Muitas pessoas passarão a detestar a vítima porque passam a viver a mentira contada pelo narcisista e raramente se preocupam em buscar a versão da vítima ou a verdade dos fatos. Desta forma, tornam-se a platéia de que eles tanto gostam e sem saber, tornam-se vítimas também.

Rompida de vez a relação, lidar com a campanha suja difamação do narcisista é uma das tarefas mais difíceis para as vítimas. Muitas vezes é tão difícil que algumas cogitam ou chegam a tirar a própria vida, como ocorre com crianças que sofrem bullying e não conseguem superar.

Se você está lidando com isso, procure ajuda de pessoas que não vão julgar você, que acreditam em você e que possam ouvir. Conte toda a verdade e liberte-se aos poucos deste peso. Aceite que seu agressor é uma fraude, não tem escrúpulos, compaixão, culpa ou remorso e que o máximo do prazer seria ver você reduzida(o) a nada.

Se o narcisista usou mentiras para lhe atingir judicialmente (divórcio, violência doméstica, indenizatórias, etc), busque provas e testemunhas e estude suas versões de modo a encontrar contradições (que serão muitas), já que são tão centrados em si que não percebem quando a mentira contada é fantasiosa demais, pode ser facilmente desmascarada e não pode ser contada diversas vezes sem qualquer mudança. E mais do que qualquer coisa, vá às audiências com a linguagem da verdade. O linguagem corporal da verdade faz toda a diferença em juízo.

Lucy Rocha,coach de relacionamento, está na pré venda do seu livro "O PEQUENO MANUAL DO AMOR SAUDÁVEL", disponivel para venda através do link:https://www.4freemarketing.com.br/o-pequeno-manual-do-amor-saudavel/
Que Amor é Esse? - Relações Tóxicas

A imagem pode conter: 1 pessoa, texto
TRADUÇÃO: Gostaria de mostrar para vocês uma lista das coisas genuinamente maravilhosas que o narcisista fez por mim.
FOI EMBORA.
Que Amor é Esse? - Relações Tóxicas

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas
Faz 3 três dias que escrevo seus nomes e o meu afeto. Gratidão pelo apoio na pré-venda, sem o qual este livrinho simpático não teria se materializado, haja vista os custos brutais na produção de um livro independente. Seu pequeno manual está a caminho, levando 101 regrinhas para te ajudar a fazer melhores escolhas no amor e, de consequência, na vida. Leva também meu afeto sincero e desejo real de que cada um de vocês viva a vida com alegria e leveza, como desejamos. 😍
Que Amor é Esse? - Relações Tóxicas

Gratidão, Lucy Rocha!

Agradeço a Deus, pela minha Vida, 
que o Senhor Jesus resgatou e restaurou!
Agradeço a Deus, que por Sua Graça e Misericórdia,
me permite servi-Lo com alegria!
Abraços carinhosos

0 comentários:

Postar um comentário