Com amor, todo sonho é possível

Ter esperanças no amanhã, ...

A imagem pode conter: planta, árvore e atividades ao ar livre
FELIZ DOMINGO!
DEUS ABENÇOE A TODOS!!
BOM DIA!!!

João Bandeira

Só pode amar quem sabe perdoar, e perdoar é a consequência de quem ama, porque o amor exige o perdão sem medida.
“Pedro aproximou-se de Jesus e perguntou: ‘Senhor, quantas vezes devo perdoar, se meu irmão pecar contra mim? Até sete vezes?’ Jesus respondeu: ‘Não te digo até sete vezes, mas até setenta vezes sete'” (Mt 18,21-22).
A característica daquele que se faz discípulo de Nosso Senhor Jesus Cristo é aprender a ter um coração como o d’Ele. O Senhor veio até nós para nos ensinar a vivermos como Seus filhos, nos ensinar a encontrar a graça primitiva, a graça amorosa da qual Ele nos criou.
Aqueles que tem em si o Espírito do Senhor têm a capacidade de amar e perdoar. Essas são duas coisas inseparáveis no coração de um discípulo de Cristo, são como dois pulmões. Só pode amar quem sabe perdoar, e perdoar é a consequência de quem ama, porque o amor exige o perdão sem medida.
Às vezes, nós amamos alguém até que este nos faça mal, até nos ferirmos, nos machucarmos. Isso é muito difícil, porque, no caminho da vida, existem os acidentes ou percalços da vida. Só existe um remédio para cicatrizar esse mal que fica em nosso coração por causa dos desentendimentos humanos: o perdão sem medida.
Muitas vezes, nós nos sentimos cansados, sem forças para perdoar, mas, na verdade, não é o outro quem precisa do nosso perdão, mas sim o nosso coração, a fim de que possamos estar bem, respirarmos profundo e vivermos o bem. Para viver uma vida intensa nosso coração precisa perdoar sempre.
Hoje, a graça que estou pedindo a Jesus é que Ele venha quebrar o nosso coração para que este se torne semelhante ao do Senhor. Só quem tem um coração manso e humilde, aberto para amar sem medida é capaz de perdoar sempre, até setenta vezes sete.
Que o Senhor nos conceda hoje e sempre essa graça.
Deus te abençoe

A imagem pode conter: 1 pessoa, texto

Ter esperanças no amanhã, saber que após a noite vem o dia. Apreciar o nascer, o pôr do sol, amar a todos incondicionalmente. Ter pensamentos positivos, respeitar os sentimentos alheios. Encontrar a felicidade nas pequenas coisas. Entender que somos únicos! Assim você sempre terá ótimos dias.
Deus te abençoe.

João Bandeira

A imagem pode conter: texto
SÓ JESUS SALVA

Entre Deus e o homem existe uma barreira que só Jesus pode desfazer.
A transgressão tem nos separado de Deus desde o princípio. O homem foi criado para usufruir gozo eterno e comunhão plena com o criador. Foi-lhe dado a livre escolha, mas também uma condição para que permanecesse usufruindo a comunhão, mas ao desobedecer tornou-se mortal e, consequentemente toda a humanidade foi condenada à morte eterna.
O pecado da transgressão separou e distanciou o homem do Criador, mas Deus na sua misericórdia estabeleceu um plano divino e milagroso para resgatá-lo – A Redenção.
Na Redenção o homem foi firmado, e liberto da morte eterna pelo sacrifício vivo do próprio Deus encarnado na pessoa de Jesus, seu filho. Estava firmado o pacto da Nova Aliança entre o Pai Criador e o homem redimido. A promessa foi cumprida e a barreira do pecado foi desfeita lá na Cruz do Calvário, onde Jesus verteu o seu sangue para salvar a humanidade.
Na Cruz do Calvário, no Golgota:
1.O Senhor nos une novamente a Deus – (Ef. 2.13-16).
2.O Senhor nos insere nas promessas de Deus – (Gl. 3.22).
3.O Senhor nos leva para o céu – (Jo. 14.1-3).

Todos os que creem na Palavra de Deus, na morte expiatória de Jesus Cristo como plano Divino para a salvação da humanidade e o aceitam como Senhor e Redentor, passam a viver uma Nova Vida e tem a promessa garantida de que, após a morte, irão com os remidos para o céu.
Amém.

Gratidão, João Bandeira!

Agradeço a Deus, pela minha Vida, 
que o Senhor Jesus resgatou e restaurou!
Agradeço a Deus, que por Sua Graça e Misericórdia,
me permite servi-Lo com alegria!
Abraços carinhosos

0 comentários:

Postar um comentário