Com amor, todo sonho é possível

Mais humanidade, por favor!

Para que a "Lei Maria da Penha" seja eficiente e eficaz,
no combate aos agressores e matadores de mulheres,
é necessário tirar o ranço das 
"pessoas" machistas, alienadas e preconceituosas,
que recebem as denúncias
Os agressores, geralmente com posses e
conhecendo o sistema, 
se tornam cada vez mais ousados e violentos,
"sem deixar provas",
pois sabem que nunca serão condenados.
É a "objetividade" da Justiça!
"Mais humanidade, por favor!"
Maria Teresa

A imagem pode conter: texto
🚺 Há 13 anos, uma lei mudou o olhar da sociedade sobre a violência que diversas mulheres sofrem diariamente em suas casas: a Lei Maria da Penha (Lei 11.340/2006). Maria da Penha ficou paraplégica por causa da violência que sofreu do marido e iniciou uma luta contra a impunidade, que acabou se transformando numa luta muito maior: a luta pelo fim de todos os abusos cometidos contra as mulheres brasileiras. 

Ao longo deste mês, apresentaremos os tipos de violência que as mulheres estão sujeitas diariamente, além de mostrarmos o que o Poder Judiciário vem fazendo para combater essa prática. Lembre-se: ao menor sinal de abuso, denuncie. Disque 180 ☎️

Conselho Nacional de Justiça (CNJ)
🙋🏻👊🏻 Em Brasília, nos dias 8 e 9 de agosto, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ)realizará a 13ª edição da Jornada Lei Maria da Penha, um evento realizado desde 2007 que reúne profissionais e especialistas de diversas áreas para debater os desafios no efetivo cumprimento da Lei Maria da Penha (Lei 11.340/2006). Entre os resultados dos eventos anteriores, destaca-se a uniformização dos procedimentos das varas especializadas em violência doméstica e familiar contra a mulher e a implantação de varas especializadas no tema por todo o país. A cronograma completo (http://bit.ly/ProgramacaoJornada2019) conta com a participação de atuantes do Direito, da Educação e também da Psicologia. Inscreva-se e participe: http://bit.ly/InscricoesJornada2019
Descrição da imagem #PraCegoVer e #PraTodosVerem: fundo azul com grafismos inspirados em folhas. Texto: 13ª edição da Jornada Lei Maria da Penha. Essa edição vai tratar sobre a Aplicação do Questionário de Avaliação e Gestão de Risco na Violência Doméstica contra a Mulher. Dias 8 e 9 de agosto. Inscrições abertas! CNJ.

Gratidão, Paulo Torres!




Denuncie,
peça as Medidas Protetivas,
 se não te atenderem,
corra atrás para que Justiça seja feita,
não permita que o agressor saia impune!
 Se não tens como te livrar,
desse relacionamento opressivo,
obsessivo e possessivo,
se estás em situação de violência e/ou risco,
se estás sendo ameaçada:
Denuncie 180
Antes que ele te mate...
Busque ajuda profissional
(psicológica/psiquiátrica),
porque sozinha,
 não dá para enfrentar essa barra.
Maria Teresa

Agradecemos a Deus e, 
aos Anjos que Ele colocou em nosso caminho,
que ouviram nossas dores, temores e pavores, com muita paciência,
tendo sempre uma palavra de confiança e esperança, 
para nos confortar...
Agradeço a Deus, pela minha Vida,
 que o Senhor Jesus resgatou e restaurou!
Agradeço a Deus, que por Sua Graça e Misericórdia,
me permite servi-Lo com alegria!
Abraços carinhosos

0 comentários:

Postar um comentário