Yahsat


Com amor, todo sonho é possível

"A mesa do velho avô"

 
Maria Ramos

A imagem pode conter: planta, flor, natureza e atividades ao ar livre A imagem pode conter: flor, planta, atividades ao ar livre e natureza A imagem pode conter: flor, planta, atividades ao ar livre e natureza
Em cada movimento da natureza há sempre um presente da criação.
Sempre haverá vida onde houver um sonho.
Bom dia!

Nenhuma descrição de foto disponível. A imagem pode conter: céu, cavalo, nuvem, texto, atividades ao ar livre e natureza
Maria Ramos

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas sentadas e área interna
A mesa do velho avô
Um frágil e velho homem foi viver com seu filho, nora, e o seu neto mais velho de quatro anos. As mãos do velho homem tremiam, e a vista era embaralhada, e o seu passo era hesitante. A família comeu junto à mesa.
Mas as mãos trêmulas do avô ancião e sua visão falhando,
 tornou difícil o ato de comer. Ervilhas rolaram da colher dele sobre o chão. Quando ele pegou seu copo, o leite derramou na toalha da mesa. A bagunça irritou fortemente seu filho e nora: " Nós temos que fazer algo sobre o Vovô..." disse o filho. "Já tivemos bastante do seu leite derramado, ouvindo-o comer ruidosamente, e muita de sua comida no chão".
Assim o marido e esposa prepararam uma mesa pequena no canto da sala. Lá Vovô comia sozinho enquanto o resto da família desfrutava do jantar. Desde que o Avô tinha quebrado um ou dois pratos, a comida dele foi servida em uma tigela de madeira. Quando a família olhava de relance na direção do Vovô, às vezes percebiam nele uma lágrima em seu olho por estar só. Ainda assim, as únicas palavras que o casal tinha para ele eram advertências acentuadas quando ele derrubava um garfo ou derramava comida. O neto mais velho de quatro anos assistiu tudo em silêncio.
Uma noite antes da ceia, o pai notou que seu filho estava brincando no chão com sucatas de madeira. Ele perguntou docemente para a criança: "O que você está fazendo? " Da mesma maneira dócil, o menino respondeu: "Oh, eu estou fabricando uma pequena tigela para Você e Mamãe comerem sua comida quando eu crescer." O neto mais velho de quatro anos sorriu e voltou a trabalhar.
As palavras do menino golpearam os pais que ficaram mudos. Então lágrimas começaram a fluir em seus rostos. Entretanto nenhuma palavra foi falada, ambos souberam o que devia ser feito. Aquela noite o marido pegou a mão do Vovô e com suavidade o conduziu atrás da mesa familiar. Para o resto de seus dias de vida ele comeu sempre com a família. E por alguma razão, nem marido nem esposa pareciam se preocupar mais quando um garfo era derrubado, ou leite derramado, ou que atoalha da mesa tinha sujado.
As crianças são notavelmente perceptivas. Os olhos delas sempre observam, suas orelhas sempre escutam, e suas as mentes sempre processam as mensagens que elas absorvem. Se elas nos veem pacientemente providenciar uma atmosfera feliz em nossa casa, para nossos familiares, eles imitarão aquela atitude para o resto de suas vidas. O pai sábio percebe isso diariamente, que o alicerce está sendo construído para o futuro da criança.
Sejamos sábios construtores de bons exemplos de comportamento de vida em nossas funções.
Maria Ramos
A imagem pode conter: flor, planta e natureza A imagem pode conter: planta A imagem pode conter: planta, flor, natureza e atividades ao ar livre
Deus está em toda a parte ao mesmo tempo, em redor de você, dentro de você!
Jamais você está desamparado. Nunca está só.
Não permita que a mágoa o perturbe: procure manter-se calmo, para ouvir a voz silenciosa de Deus dentro de você.
Assim, poderá superar todas as dificuldades que aparecerem em seu caminho, e há descobrir a Verdade que existe em todas as coisas e pessoas.

Bom dia e uma fim de semana de bençãos!
Maria Ramos
Nenhuma descrição de foto disponível. Nenhuma descrição de foto disponível. A imagem pode conter: texto Maria Ramos
A imagem pode conter: flor e plantaDeus está dentro de você.
Não assim como ocupando um espaço, mas, essencialmente em você, como fazendo parte do seu ser. Você é tempo vivo de Deus disse o apóstolo.
Portanto, sempre que estiver trabalhando , descansando, passeando, ouvindo música, pensando, Deus está com você, porque ele está no seu ser humano, como presença viva a acompanhar cada instante da sua vida.
Maria Ramos

Sempre penso quando estiver passando por uma dura prova peço ajuda ao Senhor para sair aprovada!
Hernandes Dias Lopes NA TRIBULAÇÃO É PRECISO PACIÊNCIA
A vida não é um parque de diversões nem uma colônia de férias. Não vivemos numa estufa espiritual. Estamos sujeitos às intempéries da vida, às borrascas perigosas e às crises mais avassaladoras. Muitas vezes somos assolados por circunstâncias amargas. É uma doença grave, um divórcio doloroso, um luto traumático. Muitas vezes somos atacados com armas de grosso calibre e nossos inimigos conspiram contra nós para nos destruir. Somos vítimas de calúnias injuriosas, acusações levianas e mentiras destrutivas. Não raro, ao passarmos por esse vale de prova, por esse deserto causticante, ficamos impacientes e até revoltados. A ordem da palavra de Deus, porém, nos leva para outra direção. Devemos ser pacientes na tribulação. A paciência aqui não é uma atitude estoica de suportar a dor com os dentes trincados, mas lidar com a tribulação com uma paciência triunfadora. A tribulação é uma prensa que nos esmaga, o rolo compressor que passa sobre nós como um descascador de cereais que separa a palha do grão. As tribulações não vêm para nos destruir, mas para nos purificar, para nos tornar mais parecidos com Jesus, que aprendeu pelas coisas que sofreu. Se você está sendo provado, acalme seu coração. Tenha paciência, pois Deus está trabalhando!“... sede pacientes na tribulação...” Rm 12.12b
Hernandes Dias Lopes

 
A imagem pode conter: planta
A imagem pode conter: flor, planta, natureza e atividades ao ar livre  A imagem pode conter: planta, flor, árvore, atividades ao ar livre e natureza A imagem pode conter: planta, flor e atividades ao ar livre
Disciplina requer a ajuda da paciência, tolerância e perseverança.
Sem disciplina muito pode ser começado mas pouco pode ser concluído.
Veja como Deus é disciplinado.
Ele faz tudo no momento certo e de forma apropriada, não desperdiçando energia ou tempo sem necessidade.
Ele é preciso e pontual em tudo.
Se tenho disciplina e a aplico no estudo, na meditação, em cada pensamento, palavra ou ação, sucesso e vitória estão garantidos para mim.


O poder de enfrentar é a maior expressão de amor, pois nele reside a consciência de que você está conectado com tudo o que acontece à sua volta, de bom e de ruim, sendo responsável em alguma extensão.
Uma pessoa com esse poder é amorosa por querer se aproximar do conflito.
Em vez de fazer de sua vida um jardim arrumado, ela permanece na selva e mesmo assim continua segura.
Segura porque sente ser um filho de Deus.
Dessa forma ela cura sua própria violência, torna-se inviolável e extremamente apropriada para estar na linha de fogo.

A imagem pode conter: montanha, céu, nuvem, natureza e atividades ao ar livre
A montanha da vida; reflexão!!

A vida de cada um de nós pode ser comparada à conquista de uma montanha. Assim como a vida, ela possui altos e baixos. Para ser conquistada, deve merecer detalhada observação, a fim de que a chegada ao topo se dê com sucesso.

Todo alpinista sabe que deve ter equipamento apropriado. Quanto mais alta a montanha, maiores os cuidados e mais detalhados os preparativos.

No momento da escalada, o início parece ser fácil. Quanto mais subimos, mais árduo vai se tornando o caminho.

Chegando a uma primeira etapa, necessitamos de toda a força para prosseguir. O importante é perseguir o ideal: chegar ao topo.

À medida que subimos, o panorama que se descortina é maravilhoso. As paisagens se desdobram à vista, mostrando-nos o verde intenso das árvores, as rochas pontiagudas desafiando o céu. Lá embaixo, as casas dos homens tão pequenas…

É dali, do alto, que percebemos que os nossos problemas, aqueles que já foram superados, são do tamanho daquelas casinhas.

Pode acontecer que um pequeno descuido nos faça perder o equilíbrio e rolamos montanha abaixo. Batemos com violência em algum arbusto e podemos ficar presos na frincha de uma pedra.

É aí que precisamos de um amigo para nos auxiliar. Podemos estar machucados, feridos ao ponto de não conseguir, por nós mesmos, sair do lugar. O amigo vem e nos cura os ferimentos.

Estende-nos as mãos, puxa-nos e nos auxilia a recomeçar a escalada. Os pés e as mãos vão se firmando, a corda nos prende ao amigo que nos puxa para a subida.

Na longa jornada, os espaços acima vão sendo conquistados dia a dia.

Por vezes, o ar parece tão rarefeito que sentimos dificuldade para respirar. O que nos salva é o equipamento certo para este momento.

Depois vêm as tempestades de neve, os ventos gélidos que são os problemas e as dificuldades que ainda não superamos.

Se escorregamos numa ladeira de incertezas, podemos usar as nossas habilidades para parar e voltar de novo. Se caímos num buraco de falsidade de alguém que estava coberto de neve, sabemos a técnica para nos levantar sem torcer o pé e sem machucar quem esteja por perto.

Para a escalada da montanha da vida, é preciso aprender a subir e descer, cair e levantar, mas voltar sempre com a mesma coragem.

Não desistir nunca de uma nova felicidade, uma nova caminhada, uma nova paisagem, até chegar ao topo da montanha.

Pensando !!!!!!!!!!!!.
O quê a morte do Gugu nos ensina? Esse acontecimento ainda inacreditável nos mostra que a morte é um mistério que jamais vamos entender... Gugu era famoso, bem sucedido, milionário, poderia ter acesso aos melhores hospitais do mundo e aos tratamentos mais modernos pra tentar prolongar sua vida no caso de uma doença indesejada... Mas quis o destino que num dia qualquer, na sua casa, junto da sua esposa e com a saúde perfeita, um pequeno escorregão o levasse ao chão para que ele nunca mais levantasse...
Por que não pagou alguém pra fazer o serviço?
Por que não percebeu o risco?
São muitas perguntas e uma só resposta: porque tinha que ser assim... Um cara que sempre levou alegria pras pessoas, que foi vítima de dezenas de fake news e que sempre ganhou seu dinheiro como fruto do seu trabalho e do seu talento... Sim, aos 60 anos Gugu foi antes do tempo, morreu de um jeito estúpido tendo ainda tanto por desfrutar das suas conquistas... É a fragilidade da vida, como de forma sublime escreveu o Carpinejar, Silvio Santos, seu mentor, com 88 anos nos dá a sensação que o filho partiu antes do pai... Quem diria que o Gugu morreria antes do Silvio Santos, que o Ayrton Senna ia partir antes do Emerson Fittipaldi, o jovem Denner antes do Pelé, o Boechat antes do Cid Moreira e o alegre e irreverente cantor Gabriel Diniz antes do Roberto Carlos? A vida é um sopro, por isso valorize mais as pessoas do que as coisas, se importe mais com o exemplo que vai deixar quando lembrarem de ti do que com os bens materiais que não vai poder levar contigo quando chegar sua hora... Você pode desejar ser famoso, rico, bem sucedido e tudo isso ser muito válido... Você pode estar atravessando um momento difícil, um desemprego, uma doença, um divórcio... Mas nada disso é o seu fim, olhe para os seus braços, você ainda pode lutar, olhe para as suas pernas, você ainda pode caminhar, respire fundo e perceba, apesar de tudo você ainda está vivo e se você está vivo então não deu errado...
"Viva a noite", o dia, viva intensamente e lute até o fim!

Nenhuma descrição de foto disponível.
Apresentações de Natal na Primeira Igreja Batista no Brás.

Inspiração pode vir dos outros, motivação vem de dentro de nós,
 pior coisa que existe é quando estamos sem motivação . 
Boa noite!

Gratidão, Maria Ramos!

Agradeço a Deus, pela minha Vida,
 que o Senhor Jesus resgatou e restaurou!

Minha eterna gratidão à Gorete e ao Daniel,
que me deram a YAHSAT!

A internet YAHSAT é de excelente qualidade,
minha gratidão à YAHSAT

Agradeço a Deus, que por Sua Graça e Misericórdia,
me permite servi-Lo com alegria!

Abraços carinhosos

2 comentários:

  1. Olá, Maria Teresa!

    Lindo texto sobre o senhor idoso! Eu acho que idosos são pessoas que envelheceram, nem melhores nem piores. Penso também que aqueles que são difíceis de lidar nesta idade, o foram durante toda a vida, não é uma questão de idade.

    Quanto ao Gugu, acho que a família poderia ter esperado um pouco mais antes de desligar os aparelhos, pois já ouvi casos de pessoas com suposta morte cerebral que retomaram a consciência e hoje levam vidas normais. Com todos os recursos, acho que Gugu merecia uma segunda chance.

    Abraços, boa semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Ana, gratidão!
      Concordo com você, tive a oportunidade de acolher meu pai no final da vida e agradeço a Deus por ouvir seu pedido de perdão pelo que fez à minha mãe, mas ele era um "jogador" e não queria se entregar. Quando o convênio o mandou para o local de doentes terminais, estava com câncer de cólon, não aceitou, se rebelou e me esbofeteou... Assim viveu e morreu meu pai, sempre brigando, sempre batendo...
      Até hoje não assimilei a morte do Gugu, não dá para acreditar!
      Uma pessoa boníssima, morrer por um descuido, não somos nada, Ana, nem todo o dinheiro do mundo nos trás à vida quando chega a hora...
      Gratidão por seu carinho, sempre presente, seja muito abençoada, abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir