Com amor, todo sonho é possível

Projeto: Bolero de Cachecol


Bom dia, você está bem?
Espero que sim, na graça de Deus!
Eu estou bem e muito feliz por estar aqui,
para participar, mais um mês, do Projeto!



Por ter sido feriado no dia 30/03/2018,
estamos postando hoje:

Projeto do mês: Bolero de cachecol

Projeto que iniciou em janeiro de 2014,
elaborado e coordenado pela Márcia - Blog Poções de Arte
Vai lá para conhecer e participar: aqui!
Márcia - Porta Retratos Minie
Eliane - Minha Cama
Karine - Porta Maternidade
Christiane - I Love my Dog
Jussara - Pregador com Passarinhos


Projetos Anteriores:
23/02/2018 - Gola/Touca

Nenhum texto alternativo automático disponível.
Continuo amando e acreditando em Deus,
mesmo quando os "milagres" que imploro não acontecem...
Pois os milagres que imploro e os pedidos que faço,
se baseiam na minha vontade e Deus não está aqui
 pra me dar o que desejo e sim o que preciso.
 Precisamos entender que o "não " da vida, pode ser o Sim de Deus!

Ando devagar porque já tive pressa
E levo esse sorriso porque já chorei demais
Hoje me sinto mais forte, mais feliz, quem sabe
Só levo a certeza de que muito pouco sei,
Ou nada sei
Conhecer as manhas e as manhãs
O sabor das massas e das maçãs
É preciso amor pra poder pulsar
É preciso paz pra poder sorrir
É preciso a chuva para florir
Penso que cumprir a vida seja simplesmente
Compreender a marcha e ir tocando em frente
Como um velho boiadeiro levando a boiada
Eu vou tocando os dias pela longa estrada, eu vou
Estrada eu sou
Conhecer as manhas e as manhãs
O sabor das massas e das maçãs
É preciso amor pra poder pulsar
É preciso paz pra poder sorrir
É preciso a chuva para florir
Todo mundo ama um dia, todo mundo chora
Um dia a gente chega e no outro vai embora
Cada um de nós compõe a sua história
Cada ser em si
Carrega o dom de ser capaz e ser feliz
Conhecer as manhas e as manhãs
O sabor das massas e das maçãs
É preciso amor pra poder pulsar
É preciso paz pra poder sorrir
É preciso a chuva para florir
Ando devagar porque já tive pressa
E levo esse sorriso porque já chorei demais
Cada um de nós compõe a sua história
Cada ser em si
Carrega o dom de ser capaz e ser feliz
Composição: Almir Sater e Renato Teixeira

 

Na primeira foto, em cima da mureta, Tequinho e Tigrinho,
no chão Mouse, Fifi e Tiquinha;
Na segunda foto: Tequinho em primeiro plano, Maçã, Sansão e
as galinhas no fundo...
Pitchulina não sai de casa...

A imagem pode conter: texto
 Maria Santos

Ando devagar,
bem no ritmo dos gatinhos,
dormindo muito e
ao menor sinal de estranhos,
me escondo...
Plantando,
 cuidando dos meus gatos,
galinhas,
 minhas companheiras
Madona e Estrelinha,
vou seguindo,
aprendendo a lidar com as expectativas,
que permeiam meus sonhos...
O prazer de estar viva,
é hoje uma constante,
que me enche de alegria e
agradecida a Deus,
vivo para testemunhar
o Quão Maravilhoso é o Senhor,
que me libertou,
 restaurou minh'alma e
presenteou com este espaço,
tão abençoado e
protegido pelo meu Salvador!
Maria Teresa

A imagem pode conter: texto
Se as tribulações ameaçarem a sua paz, utiliza-te da oração. 
Pois ela é o medicamento eficaz para todas as doenças da alma.
 Maria Santos

Projeto do mês: Bolero de cachecol

  

Neste mês quero mostrar como fazer um bolero super prático,
a partir de um cachecol comprado pronto (2009),
que aquece bem ombros e costa, geralmente mais sensíveis ao frio.
Retire a franja, reserve alguns fios para a costura.
Marque o meio do bolero;
Vire uma ponta, como mostra a foto;

  


Aqui pronto!

Vire a outra ponta;
Corte o arremate das extremidades, com cuidado,
para não correr o fio;
Una as 2 extremidades com uma costura de 10 a 15 cm;
Depois costure à parte central para formar as costas,
tenha o cuidado de reforçar bem a costura das extremidades,
para o fio não correr...
Gratidão, Irene de Paula,
minha amada Mestra de Tear, Tricô e crochê,
que muito me ensinou e com carinho incentivou,
quando quis montar uma ONG,
oferecendo seu apoio, conhecimento e,
nos proporcionou o
 "Encontro com Vitória Quintal",
em 2009,
que nos possibilitou
arrecadar 300 novelos de lã,
para a confecção
 de enxovais de Bebê...

A imagem pode conter: 12 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé

Nossa eterna gratidão!
Deus abençoe poderosamente!

  

Aqui, outros boleros já batidos pelo uso...

A imagem pode conter: atividades ao ar livre, texto e natureza

Estar debaixo da benção de Deus não é estar livre de lutas e dificuldades,
 mas é ter a certeza que alguém luta por ti..
Não é ter muito, mas é ver Deus multiplicar o pouco que se tem...
é plantar com a certeza da colheita...
é chorar com a certeza do consolo...
Estar debaixo da benção de Deus é saber que onde entrares,
 Deus entra com você.. 
Quando estiveres aflito, Deus vem te socorrer; 
Quando se levantarem contra ti, Deus vem te defender...
Quando sonhar Deus vem cumprir...
É pedir e receber, lutar e vencer, plantar e colher... Somente confie!!!
Sem nunca desanimar! 
Que ELE possa nos abençoar e conduzir em seus caminhos.
 Maria Santos

  

Chorei...
A Avenca estava linda,
tão linda que a Maçã
resolveu fazer de cama...
Minha amiga Tiana,
paciente,
coletou mais mudas no quintal e
montou novamente,
só que agora,
mais prudente,
resolveu gradear...

  

Lembram das Lavandas?
Secaram, não mexi, agora estão carregadinhas
de folhinhas novas...

  

O Ipê Rosa lindo; o Ipê Branco e o Ipê Roxo...

  

1ª foto - Urucuzeiro
2ª foto - Strelítzia
3ª foto - Esponjinha ou Caliandra Rosa

  
A Ripsális está linda,
 num olhar mais atento notamos a lagarta,
retirada a intrusa,
respiramos aliviada...

Vigiai e orai, para não cairdes em tentação, 
pois, de um lado, o espírito está pronto,
 mas, por outro lado, a carne é fraca”.
Marcos 14:38

Nenhum texto alternativo automático disponível.
"Uma pessoa só cresce quando é capaz de superar as dificuldades.
 Proteção é importante mas há certas coisas
 que deve-se aprender por esforço próprio."



Maria Santos

"- Quem não aprender a garimpar ouro no solo da sua história, jamais terá habilidade para se elaborar e se superar. "
Augusto Cury

Como eu preciso!!

Eu preciso Te sentir todo dia!
E olhar para Tua luz 
para não me perder!
Meu Senhor,
Tu és a minha alegria
E eu preciso.

Deus da minha vida
Fica comigo,
Sou a Sua casa
Mora em mim.
Deixa eu Te dizer
o que eu preciso,
Pai
eu preciso do Senhor!!
(DA)

Gratidão, Márcia e participantes,
pelo apoio e carinho 
que nos incentivam a CAMINHAR!
Agradeço a Deus, pela minha Vida,
 que o Senhor Jesus resgatou e restaurou!
Agradeço a Deus, que por Sua Graça e Misericórdia,
me permite servi-Lo com alegria!
Abraços carinhosos

7 comentários:

  1. Oi D Tereza!! Quanto gato!!!! Amo gatos!!Mmuito boa essa de fazer um bolero , transformando o cachecol. Eu jamais teria essa ideia. Estou levando seu link. Um beijo Da Eliane

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Eliane, gratidão!
      Tenho 8 gatos, amiga, uma velhinha de 13 anos, a Pitchulina, que ficou traumatizada quando saí daqui, que agora não chega nem perto da porta, vive dentro de casa. O Sansão, a Maçã e a Tiquinha, jogaram no meu galinheiro, em 2015, tentei doar, acabaram ficando. Até conseguir castrar, a Maçã teve 2 crias de 7 gatinhos, da 1ª sobrou o Tequinho, doei os outros, da 2ª ficou o Mouse... A Tiquinha teve 1 cria de 3 gatinhos, l meu filho levou e ficaram Fifi e Tiquinho...
      São muito ariscos, fogem ao menor sinal de gente...
      Quanto ao bolero, eu também não tive a ideia, quem me ensinou foi a Irene de Paula, Mestra das linhas e agulhas, a quem sempre agradeço.
      Obrigada pelo carinho amada amiga, felizes dias, abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir
  2. Oi minha amiga querida!
    Gostei da transformação. Lógico que eu não daria conta... mexer com linhas, lãs e afins... não é pra mim, embora eu admire demais o trabalho.
    Fiquei encantada com seus gatinhos e suas plantinhas.
    Seus Ipês estão lindos e essa Esponjinha, minha avó tinha. Sou doida por ela. Peguei mudinhas na rua e estão indo... devagar.
    Seu cantinho está uma bênção! Continue cuidando bem. Não te disse que a Lavanda volta? Ela é estranha... seca, fica feia e depois vem lindona. E vira moita!!!

    Obrigada por participar novamente. Caverna atualizada.
    Abraços esmagadores e feliz tarde.

    ResponderExcluir
  3. Tereza, quanta criatividade: transformar um cachecol em boleto! Parabéns!
    eu tenho uma ripsális que não vai pra frente, não desenvolve de jeito nenhum, tô quase desistindo dela..
    bjk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gratidão, Karine, o mérito é de minha Mestra Irene de Paula, com quem aprendi muito da arte de tear e tricô.
      Não desista de sua Ripsalis, ela é lenta mesmo, busque informações aqui Suculentas - Pitacos E Vivências (face) e no Bonsai Verde (Youtube)...
      Felizes dias, abraços carinhosos
      Maria Teresa

      Excluir
  4. Teresa, seu post está lindo, recheado de belas reflexões, fotos. Amei ver suas plantas e seus gatinhos!
    Gostei muito da ideia do cachecol se transformando em um bolero!
    Parabéns pelo amor e cuidado com seus bichinhos e suas plantas! <3
    Um grande beijo

    ResponderExcluir
  5. Oi Teresa.
    Eu já fiz muitos cachecóis para mim, porém o inverno hoje em dia esquece de chegar por aqui e tem anos que não os uso. Amei essa ideia do bolero e vou tentar fazer algum dia. Rsrs.
    Adoro ver as fotos do seu cantinho. Parece ser bem gostoso de ficar.
    Já atualizei o link.
    Ótimo final de semana! Bjos.

    ResponderExcluir